Existem pouca documentação primária sobre a vida social da escassa população judaica no vasto território brasileiro nos primeiros séculos de colonização, e menos ainda sobre o paradeiro de médicos, barbeiros e boticários. A medicina em Portugal do Séc. XVI e seguintes era pouco evoluída em comparação à européia da época e é de lá que vieram,...
Leia Mais